entre em contacto!
Filtrar por resultados...
Melhorar a Tomada de Decisão
Aumentar o Trabalho em Equipa
Melhorar a Produtividade
Melhorar a fiabilidade
Melhore a operabilidade
Melhorar a manutibilidade
Aumentar a Segurança
Aumentar as condições para inspecção
Melhorar as condições ambientais
Reduzir Inventário
Reduzir utilização de Papel
Reduzir Custos
Reduzir Risco
Resolver Problemas
Reduzir a Variação
Reduzir Desperdício
Reduzir Tempo de Paragem
Optimizar o uso de recursos
Cumprir Prazos
Garantir Conformidade
Definir e optimizar o posto de trabalho
Reduzir o tempo de mudança de ferramenta
Asset Condition analysis

O que é análise da condição dos ativos?

A condição do ativo é uma medida da integridade de um ativo. A Condição do Ativo é um parâmetro chave na determinação da vida útil restante e pode ser usada para prever quanto tempo será necessário para que um ativo precise ser reparado, renovado ou substituído. A condição do ativo também é um indicador de quão bem ele é capaz de executar sua função.

A avaliação do status do ciclo de vida do ativo com base em dados de condição e fiabilidade, com uma abordagem científica e dados integrados, apoiará a revisão do programa de fiabilidade, contribuindo para a redução dos custos de gerenciamento de ativos e mitigação do risco do negócio..

O que é análise da condição dos ativos? 

A análise da condição dos activos é uma abordagem sistemática para determinar a vida útil remanescente de um ativo e os custos do ciclo do ativo. O objetivo é classificar os ativos de forma objetiva para apoiar a decisão de reparar, restaurar ou substituir. 

A avaliação da condição inclui a revisão e análise das informações e dados recolhidos nos dois processos de avaliação (quantitativos e qualitativos) para determinar ou estimar a vida útil remanescente dos ativos. 

 

Qual a vantagem da análise de condição de ativos? 

A Avaliação de Condição dos activos é uma ferramenta chave para ajudar a descobrir informações importantes para otimizar a operação e a manutenção da fábrica e melhorar ainda mais a qualidade dos RCM e seus resultados. 

Através do seu uso, as organizações podem melhorar a sua capacidade de tomar decisões informadas baseadas em factos para: 

  • preservação de ativos, através de manutenção; 
  • renovação de ativos, através de substituição; 
  • atualizar esses ativos para uma vida mais longa (restauração). 

A avaliação da condição pode determinar se será possível resolver o problema, garantir que os padrões de desempenho e função sejam atendidos conforme determinado pela RCM / FMECA e tão bons quanto novos - Se isso não ocorrer, a solução pode exigir a substituição de ativos ou restauração. 

 

Fatores e critérios da análise de condição de ativos 

O ponto de partida para a melhoria da fiabilidade deve ser identificado pela compreensão da condição atual da maquinaria, equipamento ou ativo 

Fatores e critérios têm que ser estabelecidos, reunindo inputs principalmente de engenharia e manutenção para uma avaliação clara. Exemplos de características que podem ser usadas para analisar a condição de ativos devem incluir: 

  • Aptidão para cumprir a função; 
  • Aparência; 
  • Performance; 
  • Expectativa de vida. 
  • Redundância 

Antes de iniciar a análise de condição de ativos, consolide os fatores e critérios (níveis de pontuação). Deve ser validado por todas as áreas envolvidas. 

Saiba mais sobre

Manutenção e Fiabilidade

saiba mais
Saiba todas as novidades sobre a g3p consulting. Subscreva agora.